Destinos - Alentejo e Ribatejo

A região do Alentejo localiza-se entre o rio Tejo e o Algarve e desde o oceano Atlântico à fronteira com Espanha.

No Alentejo o tempo passa mais devagar. Planícies imensas, muralhas ao cimo de montes, uma costa litoral com praias fabulosas e pitorescas aldeias, é hoje em dia uma região escassamente povoada e fundamentalmente rural, ideal para quem procura tranquilidade e apreciar a sua beleza natural.

É uma região rica em história, cultura e património, que remonta ao período paleolítico, mantendo hoje ainda muitos vestígios arqueológicos, principalmente na zona de Montemor-o-Novo, Évora, Monsaraz, assim como em Castelo de Vide e Marvão.

É um destino de eleição para os amantes da natureza, que convida a serenos passeios a pé, de bicicleta ou a cavalo. Nas praias, os entusiastas do surf podem aproveitar as fantásticas ondas e, nos rios e albufeiras, os mais aventureiros podem experimentar os mais diversos desportos náuticos. Quem quiser optar por subir aos céus, pode usufrui de passeios de balão, saltos de avião ou mesmo paraquedismo. O Alentejo é o destino ideal para férias em família, escapadelas a dois, seniores ativos ou jovens de mochila às costas.

O Alentejo é ainda zona de grandes potencialidades agrícolas, de excelente vinho e cereais, azeite superior e, na zona costeira, peixe e marisco de grande qualidade. Diz-se que um alentejano tem sempre a mesa posta. Come-se e bebe-se sem igual. Desde os vinhos, aos queijos e enchidos, típicos da região, não há como não apreciar uma boa refeição de pão alentejano, petiscos e um copo de vinho.

A extensa área do Parque Natural do Sudoeste Alentejano e Costa Vicentina inclui os concelhos de Aljezur, Odemira, Sines e Vila do Bispo tem uma enorme diversidade de praias, falésias, pequenas ilhas e rochedos. Aqui encontramos um lugar pequeno, mas icónico. Porto Covo envolve-nos pelas suas casas caiadas a branco, com barras em jeito de contorno a azul e portas pintadas a vermelhas e entusiasma-nos pelas suas praias pequenas, tipicamente alentejanas, com um mar de cor invejável.

Évora é a cidade mais romântica do Alentejo e foi considerada pela UNESCO como Património Mundial da Humanidade. Tem um centro histórico único, de onde se destaca o Templo de Diana, a Capela dos Ossos, o Aqueduto da Água da Prata e a Praça do Giraldo.

Vale a pena visitar a vila de Monsaraz erguida dentro de muralhas medievais, que nos fazem viajar no tempo e que mais parece um museu a céu aberto.  Lá perto, o Alqueva é o maior lago artificial da Europa, criado pela barragem sobre o rio Guadiana. Impressiona-nos pela sua imensa beleza, com pequenos pedaços de terra que se elevam da água. À noite, o céu do Alqueva reveste-se de uma imensidão de estrelas, o que permite uma observação privilegiada, sendo a primeira reserva “Dark Sky” do país ou “Starlight Tourism Destination”, que atrai aficionados da fotografia, da astronomia e da natureza.

E, como estas, há tantas outras localidades que merecem uma visita, com o ambiente tranquilo que o Alentejo oferece, nomeadamente, Mértola e Serpa, Vila Viçosa, Castelo de Vide, Elvas e Portalegre. Vá, desfrute e descanse.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência de navegação e fornecer o melhor serviço possível. Continuando a navegar no site, aceita o seu uso.

Ver mais
Ok